O que são
CFDs de Criptomoedas?

O que são
CFDs de Criptomoedas?

O que são
CFDs de Criptomoedas?

As criptomoedas, ou moedas digitais, estão rapidamente a surgir como uma das classes de ativos mais negociadas. O que se deve, em larga medida, ao seu potencial papel na alteração do cenário financeiro mundial. Inicialmente, o trading de criptomoedas foi considerado um nicho para os especialistas tecnológicos com experiência de trading e bem conhecedores do funcionamento das moedas digitais e das suas tecnicidades. Atualmente, essa perceção mudou, com corretores reputados a darem, aos investidores, a possibilidade de negociar criptomoedas através de instrumentos como Contratos por Diferença (CFDs).

Embora alguns investidores prefiram deter criptomoedas, como a Bitcoin (BTC), muitos preferem negociar em CFDs. Os CFDs permitem efetuar um acordo junto de um corretor, ao longo de um período de tempo, em vez de iniciar uma posição diretamente no mercado. No termo do contrato, a diferença entre os preços de abertura e de fecho é cambiada. Antes de negociar em CFDs de criptomoedas, é importante analisar as moedas digitais, as razões da sua enorme popularidade e a forma como são negociadas.

Porque é que o Trading de
Criptomoedas é Diferente?

Uma vez que as criptomoedas são ativos digitais que utilizam a tecnologia blockchain para proteger as transações, controlar a oferta e até efetuar transações, a sua negociação é diferente de outros ativos tradicionais. Os movimentos de preço das moedas digitais não são influenciados pelos habituais fatores económicos e políticos que provocam flutuações nos mercados acionistas e de forex. Pelo contrário, as criptomoedas são condicionadas por notícias relacionadas com a regulamentação, comunidades cripto e projetos.

Alguns dos principais motores do valor das criptomoedas são notícias de eventuais controlos regulamentares, aceitação por parte de diferentes países e governos, desacordos nas comunidades cripto sobre atualizações, ataques a bolsas de criptomoedas e a introdução de projetos relacionados com criptomoedas.

Os principais fatores que afetam os preços das criptomoedas são:

1. Oferta: o número total de moedas e a taxa a que são libertadas.

2. Capitalização de Mercado: o valor de todas as moedas existentes e a forma como é esperado que se movimentem, no futuro.

3. Imagem: a imagem de uma determinada criptomoeda e a sua popularidade junto das instituições e mercados financeiros.

4. Aplicação: a aplicabilidade e a integração de uma criptomoeda na infraestrutura existente.

5. Eventos e Notícias: eventos importantes relacionados com a regulamentação do segmento, violações de segurança e lançamento de novos produtos.

How Do
Criptomoedas
Work?

Para negociar criptomoedas é preciso mais do que estar familiarizado com o mercado de criptomoedas. Saber mais sobre moedas digitais - tipos, características, funcionalidade e os riscos elevados que lhe estão associados – irá ser muito benéfico para qualquer pessoa interessada no trading de criptomoedas.

Ao contrário das tradicionais moedas fiduciárias, que podem ser observadas fisicamente, as criptomoedas, como a Bitcoin (BTC) e a Ethereum (ETH) são um meio de troca baseado na internet que utiliza funções criptográficas para executar transações financeiras. O que torna estas moedas muito populares é o facto de serem descentralizadas e altamente imunes ao controlo dos governos e dos bancos centrais. A utilização da tecnologia blockchain permite a transferência segura destas moedas entre duas partes, através de chaves privadas ou públicas. A tecnologia disponível permite que as criptomoedas mais populares sejam transferidas e negociadas harmoniosamente, com comissões de processamento muito baixas.

A Bitcoin, a primeira criptomoeda, lançada em 2009, conquistou popularidade nos últimos anos, após uma forte valorização: de $1.000 no início de 2017 para mais de $19.000 no final desse ano. A que se seguiu o lançamento dos contratos de futuros de Bitcoins, por bolsas reconhecidas, como a CBOE e CME e a maior aceitação por diversas instituições em todo o mundo. Em comparação com o anterior desempenho das moedas fiduciárias, a ascensão meteórica da Bitcoin foi algo nunca se tinha visto antes.

Atualmente, existem mais de 1.000 altcoins (alternativas ao Bitcoin) mas nem todas oferecem boas oportunidades de trading. Atualmente, existe apenas uma quantidade limitada de moedas digitais suficientemente transacionadas para terem uma liquidez real. As criptomoedas mais populares são:

  • Bitcoin (BTC), a criptomoeda original

  • Bitcoin Cash (BCH), o primeiro hard fork da cadeia original da Bitcoin

  • Ethereum (ETH), um projeto ambicioso que funciona de forma diferente

  • Litecoin (LTC), uma altcoin (moeda digital alternativa) que suporta pagamentos transfronteiriços

  • Ripple (XRP), introduzida para resolver problemas relacionados com a velocidade das soluções de pagamentos internacionais.

  • Neo (NEO), uma plataforma única baseada em blockchain que suporte a sua própria criptomoeda.

How to Trade in
Criptomoedas

É possível ter exposição a Criptomoedas de diversas formas:

1. Compra Real

As moedas digitais podem ser compradas através da utilização de uma moeda fiduciária, como o dólar norte-americano (USD), a libra esterlina (GBP) ou o dólar australiano (AUD). Diversas criptomoedas estão disponíveis em número limitado, incluindo a Bitcoin, que está limitada a 21 milhões de moedas. Já estão em circulação mais de 18 milhões, com diversos corretores de forex a aceitar Bitcoins na negociação cambial.

A compra ou venda real de uma moeda digital é facilitada por uma bolsa de criptomoedas que negoceia nessa moeda em particular. Os fatores a considerar antes de selecionar uma bolsa para negociar moedas digitais incluem a reputação, segurança oferecida, comissões cobradas, opções de pagamento e requisitos de verificação de conta.

2. Fundos de Investimento

Outra forma de investir em criptomoedas é através dos fundos cripto, como o Bitcoin Cash Investment Trust ou o Ethereum Investment Trust. Estes fundos investem em Oferta Inicial de Moeda (ICOs) e outras criptomoedas. São reconhecidamente mais agressivos e mais ativos. O recurso a gestores de fundos profissionais significa um aumento de custos e comissões.

3. Fundos de Índice Cripto

Devido à popularidade das moedas digitais assistiu-se ao aparecimento de fundos de índice de criptomoedas. São semelhantes aos fundos de índice do mercado financeiro exceto que estes se centram em ativos digitais em vez de produtos financeiros, como ações e obrigações. As criptomoedas selecionadas são agrupadas em conjunto e ponderadas vs o capital do mercado. O Crypto-10 é reconhecido como o fundo de índice de referência de criptomoedas e é geralmente utilizado para aferir a volatilidade e as perspetivas das moedas virtuais, no seu conjunto.

4. Negociação em CFDs

Uma forma fácil de negociar em criptomoedas é através de um corretor. Em vez de abrir uma carteira digital para guardar as moedas e negociar numa bolsa de criptomoedas, pode-se negociar através de um corretor com boa reputação e reconhecido que disponibiliza a negociação em criptomoedas através de uma conta de negociação de CFD. A negociação de CFDs dá, aos traders, a flexibilidade de assumir posições longas e curtas, uma vez que especulam nos movimentos futuros de uma criptomoeda.

A decisão de comprar através de uma bolsa ou de negociar através de um corretor irá depender de:

1. Se pretende ter a propriedade da criptomoeda

2. Se está disposto a pagar adiantado o valor total da criptomoeda

3. Se possui uma conta de moeda estrangeira

4. Se está disposto a pagar comissões adicionais para realizar depósitos e levantamentos

5. Se possui uma carteira digital

6. Se não pretende utilizar alavancagem.

Tal como todas as forma de negociação, o trading de criptomoedas exige conhecimento do mercado e a utilização de estratégias
de trading comprovadas. Um conhecimento aprofundado permite uma melhor avaliação dos potenciais riscos envolvidos.

Starting trading over
10,000 products today

What are
Cryptocurrency CFDs?

Os CFDs, ou Contratos por Diferença, são uma forma atrativa de negociar quaisquer classes de ativos, uma vez que não implicam a compra real do ativo. Permitem especular no valor futuro do ativo subjacente, sem necessidade de o deter. Um CFD de criptomoedas permite que os traders façam uma previsão das alterações futuras do valor de uma determinada criptomoeda. Pode-se abrir contratos sobre o desempenho de uma criptomoeda face a moedas fiduciárias como o dólar norte-americano ou ao dólar australiano, ou face a outra moeda, por exemplo a Bitcoin em comparação com a Ethereum.

Alguns termos mais comuns utilizados no trading de CFDs de criptomoedas são:

  • Preço de Venda: O preço a que se pode compra o CFD.

  • Preço de Compra: O preço a que se pode vender o CFD.

  • Spread: A diferença entre o preço de venda e o preço de compra do ativo subjacente de um CFD. O spread é o custo de transação do trader e é dedutível ao total da mais-valia realizada ou somado ao valor total das perdas registadas. Assim, quanto mais estreito for o spread, mais baixo é o custo de transação para o trader.

  • Margem: O montante de capital que o trader terá de depositar para abrir uma posição em CFD.

  • Alavancagem: Permite negociar CFDs de criptomoedas num valor superior ao existente na sua conta de negociação. A alavancagem permite que os traders tenham uma exposição mais elevada depositando, apenas, uma pequena percentagem do valor total da transação. Esta ferramenta permite que os traders registem lucros mais elevados se o preço se movimentar a seu favor, mas expõem-nos a perdas mais elevadas no caso de movimento adverso do preço.

  • Entrar Longo: Quando o trader inicia uma posição de compra de um CFD, em antecipação de um aumento do preço do ativo subjacente é chamado entrar longo.

  • Entrar Curto: Quando um trader inicia uma posição de venda, em antecipação da queda do preço do ativo subjacente, chama-se entrar curto.

  • Stop Loss: Esta ordem permite, ao trader definir um nível de preço pré-determinado no qual a sua posição em CFD será fechada. Esta ferramenta ajuda a minimizar as perdas, caso o mercado se movimente na direção oposta à prevista.

  • Take Profit: Esta ordem serve para definir o nível de preço a que a posição de um trader é fechada, para permitir assegurar os lucros antes que o mercado se movimente contrariamente ao nível previsto.

Quais São as Vantagens de
Negociar CFDs de Criptomoedas?

Os que negoceiam em CFDs trocam a diferença no preço de uma criptomoeda ou outro ativo entre a sua posição de abertura e a sua posição de fecho. Por exemplo, se um trader abrir uma posição longa e o valor dessa criptomoeda aumentar, realiza um ganho. De forma inversa, se o valor descer irá registar perdas. Da mesma forma, se um trader antecipa que o valor de uma criptomoeda, como a Bitcoin irá descer, no futuro, poderá iniciar uma posição curta. Uma previsão precisa irá gerar um ganho enquanto um aumento da criptomoeda irá resultar numa perda.

O trading de CFDs é muito popular por diversas razões:

A Não Necessidade de uma Carteira Digital: O trading de CFDs de criptomoedas não exige que tenha uma carteira digital ou que se registe junto de uma bolsa. Mais ainda, os traders não têm que se preocupar com a detenção real da moeda digital e em mantê-la segura.


Baixa Ameaça à Segurança: Os CFDs tendem a ser mais seguros do que a compra de criptomoedas através de uma bolsa. A execução das transações através de um broker reconhecido e registado assegura uma boa proteção face à perda de fundos ou práticas fraudulentas, como ciberataques.


Volatilidade e Movimentos Rápidos A criptomoeda é reconhecidamente um mercado volátil e essa volatilidade não pode ser negada; no entanto, os movimentos rápidos dos preços são parte da sua atratividade. A negociação de CFDs de criptomoedas deverá basear-se numa estratégia de gestão de risco adequada, desenvolvida através de um research aprofundado.


Trading Contínuo: No que se refere ao trading de criptomoedas, não existe tal coisa como horas de negociação. A ausência de autoridade reguladora centralizada significa que é possível negociar criptomoedas em permanência. Geralmente, estas transações realizam-se diretamente entre indivíduos, em bolsas de criptomoedas, em todo o mundo. No entanto, ajustamentos a atualizações da infraestrutura ou de forks podem levar a períodos de inatividade. Pode-se até negociar criptomoedas face a moedas fiduciárias, como o USD.


Especulação sobre os Movimentos de Preço: O trading de CFDs de criptomoedas permite que os traders assumam posições longas ou curtas, dependendo da sua perspetiva sobre o movimento futuro dos preços.

Alavancagem: As negociações de CFDs são alavancadas e permitem que os traders abram uma posição em margem. Isto significa que o trader pode ter uma importante exposição a um mercado de criptomoedas pagando, ou depositando, apenas uma fração do valor total da transação. Este trading em margem permite, aos traders, realizar ganhos mais elevados a partir de um investimento relativamente baixo, mas o mesmo se passa com as perdas. Assim, os traders têm de ser cautelosos e tomar decisões informadas, estando sempre cientes da sua tolerância ao risco.


Utilização de Plataformas Avançadas: os CFDs de criptomoedas são facilmente negociados através de plataformas avançadas de trading, como a MetaTrader 4 e 5, que incluem um interface personalizável. Estas plataformas não só simplificam o trading, mas também oferecem diversas ferramentas técnicas de forma a assegurar uma experiência livre de problemas.

Que Etapas estão Envolvidas no
Trading de Criptomoedas?

A clareza sobre o funcionamento dos mercados de criptomoedas, os fatores que afetam os movimentos dos preços e as opções de negociação disponíveis são fatores essenciais para todos aqueles que pretendem negociar em moedas digitais. A que se deve seguir a decisão sobre a forma de negociação: se através da compra direta da criptomoeda ou através do trading de cripto fundos ou CFDs. Se decidir negociar através de CFDs, terá que encontrar um corretor reconhecido, que assegure um excelente apoio ao cliente e recursos didáticos, bem como uma conta demo que o ajude a familiarizar-se com as nuances do trading de CFDs de criptomoedas.

Veja quais as etapas do processo de negociação de moedas digitais:

Passo 1:
Finding a Good
Broker

Esta é a etapa mais importante para a sua jornada de trading de CFDs de criptomoedas. Deverá ser selecionado um corretor reconhecido e regulado de forma a garantir a segurança dos seus fundos e cumprimento das regulamentações pertinentes. Alguns dos fatores a considerar na escolha de um bom corretor de CFDs de criptomoedas são:

  • Escolha uma Entidade Regulada: Os traders deverão procurar corretores regulados e ler todas as Declaração de Divulgação do Produto (PDS) antes de abrir e de negociar com uma conta ao vivo. Na Austrália, os corretores têm que possuir uma Licença Australiana de Serviços Financeiros (AFSL) e, no Reino Unido, os serviços financeiros são regulados pela Financial Conduct Authority (FCA).

  • Verifique a sua Reputação:O registo e a reputação de um corretor deverão ser considerados. Verifique que garante a segregação dos fundos dos clientes, mantendo-os separados do capital do corretor. Escolha um corretor que garanta auditorias regulares das contas, através de empresas de auditora externa, para além dos regulares extratos de conta aos seus clientes.

  • Alavancagem: A alavancagem é um fator importante a considerar quando se negoceia em CFDs. O que não é tão simples como escolher um corretor que disponibilize um trading com alavancagem elevada. Escolha um corretor que ofereça níveis de alavancagem com que se sinta confortável.

  • Verifique as Opções de Negociação e as Criptomoedas Abrangidas: É essencial assegurar que as opções de negociação oferecidas por um corretor incluem as criptomoedas em que pretende negociar.

  • Plataforma de Negociação:Escolha um corretor que ofereça uma plataforma de trading simples e eficaz, como a MetaTrader 4 ou MetaTrader 5. Estas plataformas são muito fáceis de utilizar e têm incorporados ferramentas e recursos que tornam todo o processo de negociação de criptomoedas fácil e sem problemas.

  • Spreads: Os spreads e as comissões cobrados por um corretor determinam o custo de negociação e têm que ser considerados antes de abrir uma conta.

  • Qualidade dos Serviços:Os serviços de apoio ao cliente são muito importantes para os traders que se estão a iniciar na negociação de CFDs e que podem precisar de ajuda. Assim, escolha um corretor reconhecido pela excelência dos seus serviços de apoio ao cliente.

  • Facilidade de Pagamento: Por último e não menos importante, verifique quais as opções de pagamento disponibilizadas pelos corretores, garantindo que pode depositar ou levantar fundos da sua conta de forma atempada e oportuna.

Passo 2:
Abrir uma conta

Assim que tiver escolhido um corretor para sua negociação em CFDs, terá que abrir uma conta de trading. A maioria dos corretores mais reputados permite a utilização de uma conta demo, antes de abrir uma conta ao vivo, para que se familiarize com a plataforma, ferramentas e ritmo de negociação. Posteriormente, esta conta pode ser convertida numa conta ao vivo, onde pode depositar fundos.

Passo 3:
Building a
Trading Plan

Agora que já escolheu os seus instrumentos de trading, tem que fazer algumas pesquisas para construir um plano de trading. Dada a volatilidade do trading de criptomoedas, terá que desenvolver um plano de trading, após analisar todos os riscos envolvidos. Faça uma lista dos seus objetivos, identifique a sua capacidade de tomada de risco e, depois disso, defina uma estratégia de trading que inclua medidas como os níveis de stop loss e de take profit. Também poderá utilizar recursos disponibilizados pelo seu corretor ou as opções integradas na sua plataforma de trading, de forma a tomar decisões informadas.

Passo 4:
Começar a negociar

Agora que já tem uma estratégia irá começar, iniciando uma posição longa (ou de compra) ou uma posição curta (ou de venda), dependendo das suas expectativas quanto ás alterações futuras dos preços. Independentemente de ter decidido negociar Bitcoin, Ripple ou Ethereum, terá que:

  • Verificar os preços de venda e de compra

  • Decida a dimensão da sua posição de negociação, ciente da alavancagem oferecida, o spread cobrado e a sua própria apetência pelo risco

  • Utilize de ferramentas como stop losses e ordens de limite e inclua-as na sua estratégia de gestão de risco

  • Assim que tiver iniciado uma posição, monitorize os ganhos ou as perdas na secção posições abertas na sua plataforma de trading

  • Feche a posição assim que tiver alcançado o seu objetivo.

Como Gerir os Riscos
Envolvidos no Trading
de CFDs de Criptomoedas?

A natureza de volatilidade elevada das criptomoedas torna o seu trading de elevado risco. Mas uma estratégia de trading bem planeada e a monitorização constante podem ajudar os traders a gerir o risco envolvido. A mitigação, a gestão do risco e o assegurar dos ganhos é possível através da definição de níveis de stop ou de limite automáticos, para além de definir o nível no qual pretende fechar a sua negociação.

Para além disto, deve:

  • Manter sempre uma margem adequada nas suas contas de negociação para evitar o fecho inesperado das suas posições devido a fundos inadequados.

  • Definir alertas de preço, de forma a monitorizar aumentos ou quedas, acima do antecipado, dos preços das criptomoedas.

  • Acompanhar, em continuidade, a sua conta e os movimentos dos preços de forma a reagir rapidamente.

  • Utilizar, sempre, alavancagem, estando sempre consciente da sua capacidade de tomada de risco.

Assim, um bom conhecimento do funcionamento das criptomoedas, os fatores que as afetam e uma boa estratégia de trading, com medidas adequadas de gestão do risco, podem ajudar os traders a ter uma jornada satisfatória no trading de criptomoedas.

Começar a negociar
em minutos

Abra uma conta agora

bullet Acesso a mais de 10.000 instrumentos financeiros
bullet Abra e feche posições automaticamente
bullet Notícias e calendário econômico
bullet Indicadores técnicos e gráficos
bullet Muitas outras ferramentas incluídas

Ao fornecer o seu e-mail, concorda com a política de privacidade da FP Markets e com receber materiais de marketing futuros da FP Markets. Pode cancelar a sua inscrição em qualquer momento.





Get instant Updates in Telegram
Mapa do site | © FP Markets 2020